quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Pe. Otávio de Lorenzi - Jubileu do Ouro- Fonte: Pascoal De Lorenzi. DEZ./10



Pe. OTÁVIO DE LORENZI – JUBILEU DE OURO

Nascimento 14/05/1931. Filiação: Antônio De Lorenzi Dinon e Catarina Pilon. Sendo de uma família de 12 irmãos, seis mulheres e seis homens. Sua vida escolar começou no interior do município de Orleãns. Seu primeiro professor Antônio Cascais de primeira a segunda série, seu segundo professor Pedro José do Nascimento, da terceira a quinta série. Ia à escola descalço, por picadas, enfrentando os animais peçonhentos com muita coragem e inteligência e cada dia era mais um dia, de manhã na aula, a tarde ajudava nos afazeres domésticos e apartar os bezerros das vacas de leite. Aos 14 anos foi incentivado pelo segundo professor a procurar um seminário, foi então que aos 15 anos entrou para o seminário de São Ludgero, o qual seu pai o acompanhou a cavalo por estradas de pantanais e matas atravessando rios e balsas, cerca de 30 km. Primeiro ano de férias veio com a novidade, de que além de falar o dialeto italiano, teria que aprender a estudar a própria língua. Quando estava no quarto ano de seminário, os pais se mudaram para a comunidade de Taquaruçu de Cima, Município de Fraiburgo – SC. Ficaram cinco anos sem ver o filho. Após esse longo período, chegou de surpresa na casa de seus pais em Taquaruçu, onde eles o viram de batina pela primeira vez, fizeram festas, gritos e muitos tiros de 38 (Pascoal, seu irmão, autor dos tiros), logo já foi dizendo que as férias seriam curtas e pediu uma enxada boa para ajudar na capina, pois logo, já retornaria aos estudos. E assim ano vai ano vem, os pais se preparavam para com a ordenação, pois o tempo começou a passar rápido e tinha-se a preocupação de engordar um boi para a festa. Até que em 17/12/1960, ocorreu à ordenação e sua primeira missa solene foi na comunidade de Taquaruçu no dia seguinte. Após a ordenação, mais um ano de estudo em Viamão Porto Alegre/RG para o sacerdócio. Pe. Otávio se firmou na vocação e começou a realizar casamentos, batizados e celebrações. Cerca de 20 anos, realizou trabalho como professor e orientador espiritual na cidade de Lages, logo foi transferido para a paróquia de São Joaquim, na qual seria auxiliar do vigário e professor daquela cidade por mais 20 anos. Após esse período, foi transferido para Paróquia de São Cristóvão do Sul, por dois anos. Depois disso, foi transferido para a Páróquia de Painel. Sua estadia atualmente é a cidade de Bom Jardim da Serra, onde é Vigário. Fez muitas viagens, em umas delas foi até o Santo Sepulcro- Jerusalém andou de camelo no Egito. Passou na cidade de Casso, local de onde vieram seus avós e em Roma- Itália, também visitou localidades onde estudou: São Ludgero, Brusque, Azambuja e Viamão. Agora é Monsenhor Otávio. Parabéns!

Nenhum comentário:

Postar um comentário